Cavalgada em Roraima

frontera_venezuela_brasil
Visita às Fronteiras
03/09/2012
bik
Byke na Fronteira
03/09/2012

Cavalgada em Roraima

cavalos1

O Estado de Roraima é um paraíso para os amantes das cavalgadas. Temos na área central do estado uma região bastante plana, que são os nossos conhecidos “lavrados”, muito semelhante ao cerrado do Centro-Oeste, pontilhados por inúmeros buritizais num horizonte a perder de vista.
Na região do Amajarí, centro-oeste do estado, além do lavrado temos também uma região serrana, recheada de mata fechada, onde sempre é possível encontrar animais diversos, além de uma infinidade de pássaros. Subindo para o Tepequém, um dos mais antigos garimpos de diamantes do Brasil, podemos encontrar ainda moradores antigos deste áureo tempo do eldorado, e ouvir suas histórias sempre rica das aventuras do passado.

Mais ao norte, na região da Pedra Pintada ou mesmo próximo do município do Uiramutã, as cavalgadas também oferecem outros atrativos: a possibilidade de encontrar com os lendários últimos Cavalos Selvagens do Brasil, que vivem livres na região, e visitar algumas comunidades indígenas, que aos poucos estão se abrindo para receber nossas visitas.

As cavalgadas no Uiramutã e Pedra Pintada estão em fase de formatação, e em breve estarão disponíveis para os amantes dos cavalos, esses animais que são um dos primeiros parceiros do homem na história da evolução.

As cavalgadas no Amajari já é uma realidade, a partir da Fazenda Bacabal – veja pacote abaixo.


Cavalgadas no Amajari

Cavalgar na região do Amajarí é uma experiência, no mínimo, agradável. Além de contar com o prazer de lidar com animais dóceis e com a experiência de quem vive na região.

Durante estes dias, ficaremos acomodados na Fazenda Bacabal, local bem acolhedor, de família simples, onde desfrutaremos da comida da casa.

Este roteiro foi preparado para pessoas que queiram curtir um final de semana diferente, sem correria, fazer cavalgadas leves, e curtir a natureza da região. Indicado para todas as pessoas que tenham disposição, inclusive para crianças em idade adequada.

Durante os passeios não será difícil avistar animais como tamanduás, jabutis, aves como gaviões, garças, araras e outros pequenos voadores que embelezam o caminho e podem render boas fotos para o álbum de recordações. O viajante também é brindado com uma vista de encher os olhos. Imensos buritizais encortinam a paisagem, formando um grande painel verde, de onde se ouve o tilintar de pássaros e, vez ou outra, pode-se deliciar com a revoada de centenas deles.

Nestes dias, durante as conversas que sempre rolam, poderemos conhecer os “causos” da região, do tempo dos pioneiros que chegaram ao Estado, numa época em que ainda era território ou mesmo província do Estado do Amazonas.

Eram por estes caminhos que trilhavam os corajosos garimpeiros que subiam para a Serra do Tepequém.

Andar por estas bandas é reviver um pouco a história de Roraima, e apreciar um dos lugares mais deslumbrantes do Estado.

1º dia = Viagem de B. Vista para Fazenda Bacabal.

2º dia = Cavalgada

3º dia = Cavalgada

4º dia = Retorno para B. Vista – fim do passeio.

Inclui:
• Transfer de Boa Vista até Amajari em veículo privativo (ida e volta);

• Pensão completa na fazenda;

• Hospedagens na fazenda;

• Seguro-viagem;

• Animais para as atividades;

• Guia;

VALORES SOB CONSULTA. Solicitamos reserva antecipada de 10 dias.